Deus “nos leva à tentação”?

“Não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.” (Mateus 6:13).

Tiago 1:13 diz: “Ninguém diga que quando for tentado: 'Estou sendo tentado por Deus', pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e ele próprio não tenta ninguém” (Tiago 1:13).

Isso é verdade. Mas a Bíblia também diz: “Jesus foi levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo” (Mateus 4: 1).

Portanto, Deus não faz a tentação - ele não coloca desejos maus em nossos corações (pois ele não pode ter desejos maus em seu coração) - mas ele nos leva à presença de muitas provas e tentações. "Os passos de um homem são do Senhor" (Provérbios 20:24).

De fato, cada passo que damos é um passo para a presença da tentação. Não há um momento da sua vida que não seja um momento de tentação - um momento em que descrença e desobediência não são uma possibilidade.

A oração do Senhor não nos ensina a orar contra esse tipo de orientação soberana.

O que nos ensina a orar é que a tentação não nos leva. Não me leve à tentação. Livra-me deste mal que está posto diante de mim.

Hoje vou enfrentar inúmeras tentações. É assim que a vida é: escolhas intermináveis ​​entre crença e descrença, obediência e desobediência. Mas, ó poderoso Deus, proíba que eu ceda. Me contenha de entrar na tentação.

Recomendado

O casamento silencioso-assassino
2019
Como recolocar sua mente nos trilhos
2019
Sua Bíblia é uma mina, não um museu
2019